Skip to content

10 Maneiras de Economizar com a Economia Compartilhada

A economia compartilhada veio para ficar e, com ela, muitas pessoas estão economizando em várias atividades do dia a dia. São diversos setores (como expliquei nesse post) em que essa nova forma de consumo mais colaborativo está presente no nosso cotidiano. No post de hoje quero compartilhar com vocês algumas formas muito bacana de se inserir (para aqueles que ainda não conhecem) ou se aprofundar na economia compartilhada e ter muitos benefícios, principalmente financeiros.

1- Transporte

A cada dia está mais difícil suportar os custos de um veículo, seja ele o segundo carro da família, ou mesmo aquele tão sonhado primeiro veículo quando somos jovens. Pensando nisso, empresas criaram modelos de compartilhamento de veículos para que os custos de se possuir um carro sejam “divididos” por vários motoristas. Nesse tipo de serviço, você não é o dono do carro, mas sim o utiliza somente nas horas que realmente precisa. Financeiramente, isso é vantajoso não só porque você pagará apenas pelo uso do carro (deixando de arcar sozinho com a manutenção, depreciação, etc. sozinho), mas também porque você deixará de ter o custo de guardar esse carro nas horas que não está utilizando. Existem alguns modelos de compartilhamento, como falei melhor nesse post, mas todos têm o mesmo objetivo de otimizar o uso desse bem tão caro. Além do compartilhamento de veículos, existem os aplicativos de carona, como o BlaBlaCar, e aplicativos como o Uber, que unem motoristas à pessoas que necessitam se locomover pela cidade. Já falei nesse post aqui o porquê de eu acreditar que Uber não é um aplicativo de carona.

2- Dinheiro

A taxa de juros no Brasil é exorbitante, acho que isso ninguém contesta, não é verdade? Com isso, tomar um empréstimos por aqui é uma tarefa árdua. Como uma alternativa para essa situação surgiram os empréstimos Peer to Peer, que permite pessoas que possuem dinheiro guardado emprestarem para pessoas físicas ou jurídicas. Isso é positivo pois quem empresta ganha tem um retorno maior que a poupança ou a renda fixa e quem toma o empréstimo paga taxas menores, visto que essa é uma transação que não depende de um banco e toda a sua gigantesca e cara estrutura. No Brasil, por enquanto, apenas o Biva tem esse modelo de empréstimo.

3- Educação

Todos nós temos algum conhecimento que tem valor para outras pessoas. Sejam aulas de uma língua estrangeira, aulas de matemática, instrumentos musicais, sempre tem alguém querendo aprender. Na plataforma Bliive o dinheiro não está envolvido, pois a moeda de troca é o nosso próprio tempo. Outra opção é a Weeazy, que te permite escolher cursos online para se profissionalizar e que possuem preços bastante atrativos.

4- Hospedagem

O Airbnb já é mundialmente conhecido. Ele é uma ótima alternativa para se hospedar em praticamente qualquer cidade turística, praia e interior no Brasil e no mundo. Além de ter valores mais atrativos do que hotéis do mesmo padrão, com o Airbnb você tem a experiência de viver como uma pessoa local.

5- Vestuário

Sites como o enjoei são ótimos para encontrar roupas excelentes por preços bastante interessantes. Se ainda tens algum preconceito com roupa que não é nova, eu sugiro dar apenas uma chance para esse site, são ótimas oportunidades. Existem outras opções, além de vários grupos no Facebook. 

6- Objetos em geral

Por que ter equipamentos caros que usamos tão pouco? Furadeiras, brinquedos de crianças, itens esportivos costumam ser caros e poucos utilizados. Eles ficam guardando poeira por muito tempo esquecidos nas garagens, armários e outros locais das nossas casas. Alugar pode ser uma ótima opção! Existem plataformas que nos conectam com outras pessoas e também startups que oferecem esses tipo de serviço. Para aluguel de brinquedos existe a Joaninha, já para itens esportivos a Alooga tem várias opções! A “Tem Açucar” conecta você aos seus vizinhos, também uma ótima opção.

7- Cuidados com o PET

Vai viajar e não pode levar seu Pet? Hotel para o seu Pet pode sair muito caro, mas uma startup brasileiras, a DogHero, une excelentes pessoas que podem tomar um ótimo cuidado do seu animazinho por uma fração do valor que você pagaria em um hotel.

8- Alimentação

Sair para comer está muito caro, sério. Mas quem não gosta de comer algo diferente e ver pessoas novas? Uma alternativa aos restaurantes que aumentaram muito seus preços nos últimos 2 anos são as plataformas quem unem bons cozinheiros à pessoas como nós que gostam de se divertir em torno de uma mesa farta. E o melhor, o preço sai bem mais em conta. Tudo bem, alguns “Chefs” ainda cobram caro demais nessas plataformas, na minha opinião, mas com o aumento da procura por essa opção, mais pessoas estão ofertando seus “pratos da casa” e os preços tendem a cair. Duas plataformas brasileiras nesse setor são: Eatwith e Dinneer

9- Serviços

Serviços de pedreiro, carpinteiro, pintor, diarista, eletricista, entre outros, costumam ser relativamente caros se olharmos pelo valor por hora de trabalho cobrado. Eu acredito que um dos principais motivos para isso é a dificuldade para encontrarmos bons profissionais, pois eles costumam atender serviços por indicação de outras pessoas e não pelo seu próprio marketing. Outro ponto que gostaria de tocar nesse assunto é o fato da crise econômica e da dificuldade de encontrar um emprego formal fazerem com que mais pessoas dediquem algum tempo da sua semana para esse tipo de serviço e, então, levantar um dinheiro extra. Com esses dois pontos mencionados, plataformas como a Getninjas permitem que essas pessoas ofereçam seus serviços para conseguir um trabalho extra, e essa concorrência permite que o consumidor escolha o profissional com melhores referências e preço mais atrativo. Uma ótima economia.

10- Passeios

Vai passear em São Paulo, por exemplo, e já fez a sua reserva no Airbnb, alugou um carro na Fleety e deixou seu cãozinho com a DogHero. Falta apenas planejar os passeios na cidade! Contratar pacotes fechados de agências costumam ser a opção mais escolhida, mas sai caro. Uma alternativa é buscar pessoas locais que disponibilizam seu tempo para te levar nos melhores lugares da cidade. Há quem goste desse modelo não pelo preço, mas por ter a visão de uma pessoa local e a oportunidade de conhecer lugares menos explorados da cidade. A plataforma Rent a Local Friend tem várias pessoas interessadas em te mostrar as cidades pelo Brasil afora, a um preço bastante atrativo.

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *